Pesquisar

17 de out de 2014

Ecologia Esotérica

"Inculcando-se por sábios, tornaram-se loucos e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e répteis. Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem o seu corpo entre si; pois eles mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém" (Romanos 1.22-25).

            A sala de aula tem galhos e folhas espalhados pelo chão. A professora solicita aos alunos que se comuniquem com supostos espíritos contidos nas árvores, plantas e animais, e durante o recreio as crianças erguem os braços em direção ao sol para serem "energizadas". Você está pensando que esta é uma típica sala de aula em uma escola do ensino fundamental em Bombaim, Calcutá, Nova Déli, ou em qualquer outra cidade indiana? Errou! Estou me reportando a uma escola recifense, no Nordeste do Brasil, em pleno século XXI.
            É até louvável plantar árvores no Dia da Terra (22 de abril), do Meio Ambiente (5 de junho) e da Árvore (21 de setembro). E não existe nada de errado em plantar uma árvore todos os dias do ano, desde que a motivação seja correta.
            A natureza é criação do nosso maravilhoso Pai Celestial. Cuidar dos diversos ecossistemas e preservar a natureza é dever do cristão. Deus entregou essa responsabilidade ao homem desde o início do planeta Terra (Gênesis 1.26 a 31). Mas os esotéricos, seguindo os passos do hinduísmo, estão mais e mais colocando a ênfase maior na criação e não no Criador.
           No cristianismo só existe um único Deus, transcendental e separado da natureza. No esoterismo, Deus é a natureza e está dentro de cada elemento da criação (isso é panteísmo, uma velha doutrina do hinduísmo). Os místicos jogaram fora o conceito de um Deus único, Criador e transcendental, e advogam a deificação do homem e da natureza.
           A exemplo do hinduísmo, os místicos passaram a afirmar que existem espíritos dentro de cada elemento da natureza e incentivam as pessoas a se comunicarem com eles. O pior é que muitos místicos não aceitam que os espíritos que induzem as pessoas a pensar que estão infiltrados em plantas, rios, animais, entre outros elementos da natureza, são maus (demônios). Essas entidades da maldade podem se disfarçar de boazinhas e comunicar-se com as pessoas. Do ponto de vista do cristianismo, se alguém consegue dialogar com algum elemento da natureza, sem dúvida está se comunicando com algum tipo de criatura angelical do mal disfarçada, e jamais com um espírito inerente à própria natureza.

Louvai a "Deusa-Mãe Terra"

             Os esotéricos acreditam que o universo está no período de transição entre a Era de Peixes e a Era de Áquario (que é a "Nova Era"). Durante a Era de Peixes, segundo os místicos, o mundo foi influenciado pelo aspecto masculino racional e destrutivo do cristianismo. Afirmam também que a Nova Era será regida pelo aspecto feminino intuitivo do esoterismo.
             Os neopagãos esperam que a era feminina irá curar o mundo. Para eles, a era masculina tem sido um período de relacionamentos quebrados e destrutivos.
            Os apologistas cristãos Russ Wise e Tal Brooke, em um artigo intitulado Goddess Worship (Culto à Deusa), afirmam: Rosemary Radford Ruether, no seu livro Womanguides: Readings Toward a Feminist Theology (Guias para a Mulher: Leituras em Direção a uma Teologia Feminista), mostra a quem devemos buscar para salvação no novo credo: "é nas mulheres que procuramos a salvação nas águas restauradoras e curativas de Aquarius. É para tal Nova Era que olhamos agora com esperança, enquanto a presente era de masculinismo é bem-sucedida em se auto-destruir". É um evangelho ginecocêntrico.
             De acordo com Starhawk, uma bem conhecida autora e auto-proclamada bruxa feminista, residente em Berkeley: "o simbolismo da deusa não é uma estrutura paralela para o simbolismo de Deus o Pai. A deusa não governa o mundo; ela é o mundo.’ Para que esta era feminina venha a uma total fruição, uma mudança de consciência tem de ocorrer no mundo, uma mudança no pensamento que produzirá a deusa".[1]
             A personificação da Terra é conhecida como teoria Gaia. Gaia é a deusa da Terra na mitologia grega e romana – a "Mãe Terra!"
            Starhawk, a bruxa feminista já citada, relatou no seu livro The Spiral Dance (A Dança Espiral):
            O modelo de Deusa, que está imanente na natureza, nutre respeito pela santidade de todas as coisas vivas. Sem dúvida, ela é Gaia, a Deusa da Terra. Em decorrência disso, a bruxaria reivindica ser a religião da ecologia. Reivindica que seu alvo é a harmonia com a natureza para que a vida não apenas sobreviva, mas seja bem sucedida.[2]
           Indubitavelmente, o atual movimento naturalista em defesa do meio ambiente está fortemente influenciado por bruxas, esotéricos e muita gente que defende crenças neopagãs. Os nova erenses prometem reintroduzir o aspecto sagrado à Terra que dizem ter sido propositadamente destruído pelo mundo cristão. Os místicos acreditam que sararão a Terra de todos os problemas que lhe foram supostamente causados pelo Deus da Bíblia e Seus seguidores. Na verdade, a Terra só é sagrada quando vista sob o prisma das religiões pagãs orientais. No cristianismo, a Terra é criação de Deus e jamais lhe foi dado um espírito e tampouco o título de divindade.
            Se o cristão colocar uma lupa sobre essa Gaia (a deusa Terra), vai observar o inevitável: ela tem seus dentes e garras sujos de sangue, pois é o próprio inimigo das nossas almas disfarçado.

A "Deusa" em nós
     
          Os esotéricos ensinam que "Gaia", a deusa Terra, somos nós e nós somos ela. Acreditam que todos são um, pois todos surgiram supostamente de uma única célula (monogênese).
         Preste atenção a um pequeno trecho de um discurso que se tornou símbolo de campanhas ecológicas, atribuído ao chefe índio Seattle em 1854, endereçado a um representante do governo dos Estados Unidos da América: "Tudo o que acontecer à Terra acontecerá aos filhos da Terra. Se os homens cospem no solo, estão cuspindo em si mesmos".
        Alguém dificilmente deixaria passar despercebida a semelhança entre a declaração do líder indígena acima, a doutrina hindu que prega que somos um com os elementos da natureza e com Deus (monismo) e as afirmações nova-erenses de que devemos cultuar a "Mãe Natureza"e identificar-nos com ela. São dogmas idênticos de culturas pagãs diferentes. São todas crenças pagãs que prestam reverência à criação e aos supostos espíritos contidos na criação, em vez de ao Deus pessoal que nos criou.
          O movimento esotérico em prol do meio ambiente acredita que a humanidade é produto de forças evolucionais inerentes ao próprio universo. Baseados nessa teoria, deveríamos nos re-sintonizar com a natureza, "Nossa Mãe", em vez de nos reconciliarmos com o nosso Deus. Os nova erenses têm adotado o ponto de vista dos xamãs, de muitos pajés indígenas e dos místicos do Oriente de que o universo é uma entidade viva, da qual somos todos partes integrantes. Portanto, acreditam que nos tornamos completos quando nos re-ligamos com a natureza ou a "Mente Universal".
         Os já citados apologistas cristãos, Russ Wise e Tal Brooke, afirmam:
         Acreditam que a deusa reside dentro do ser humano e necessita simplesmente ser despertada. Então Starhawk [...] afirma que o indivíduo pode despertar a deusa apenas invocando e convidando que a sua presença se manifeste: "Invocar a Deusa é despertar a Deusa dentro de nós, [...] é este aspecto que nós invocamos. Uma invocação canaliza poder através da imagem da Divindade visualizada".
         Starhawk continua: "Nós já somos um com a Deusa – ela tem estado conosco desde o início, então a plenitude se torna... uma questão de auto-consciência. Para as mulheres, a Deusa é o símbolo do mais íntimo da pessoa. Ela desperta a mente, o espírito e as emoções".[3]

A natureza nem sempre é boa

          Dave Hunt é um dos mais respeitáveis apologistas cristãos da atualidade e um estudioso sobre ocultismo. No livro Occult Invasion, Hunt nos adverte:
           'Um dos caminhos mais aceitos e seguros que leva ao ocultismo nos dias atuais é o movimento de volta para a natureza em nome da preservação ecológica do nosso planeta. A Terra tem sofrido muitos danos nocivos em conseqüência do descuido e da avareza da humanidade. Enquanto as nações industrializadas têm de levar sua cota de culpa, algumas das piores poluições e destruições têm ocorrido em terras comunistas, como também em países em desenvolvimento no Terceiro Mundo. Além disso, poluição (tais como aquelas causadas por erupções vulcânicas) e destruições (tais como pragas das plantas e insetos, incêndios de florestas causadas por raios ou pragas) são partes integrantes da própria natureza.
            No entanto, a ilusão popular de que qualquer coisa ’natural’ é necessariamente benéfica, tem ganho aceitação incontestada. Parece que foi ignorado que nada é mais natural do que doença, sofrimento, morte e desastres naturais (furacões, terremotos, secas, enchentes, apenas para citar alguns). De fato, é contra estas destruições regularmente provocadas pela natureza que a humanidade tem desesperadamente lutado para se proteger e, fazendo isso, tem chegado até o presente nível de civilização.
            Parece mais do que irônico que após os homens terem lutado por séculos contra as forças da natureza, algumas vezes mortais e freqüentemente antagônicas, há agora um movimento crescente e popular conclamando uma parceria com estas mesmas forças.[4]
A proposta de parceria com a natureza soa convidativa, mas não confortaria e tampouco enxugaria as lágrimas dos milhares de familiares que perderam seus entes queridos vitimados pela fúria da natureza. Sejam sufocados e putreficados sob os escombros e entulhos provocados pelos terremotos avassaladores que atingiram a Turquia e a Índia; esmagados pelos destroços deixados por furacões na Flórida; de inanição nas secas do Nordeste ou afogados nas enchentes do Sul do Brasil. Para aquelas e outras vítimas da natureza, a "deusa Gaia" não poderia ter sido mais cruel, malvada e impiedosa.'

Conclusão: fiquem de olhos bem abertos

          Minha filha Monique, aos onze anos de idade, cursava a quinta série do ensino fundamental e foi solicitada pelo seu professor de artes a desenhar um "tema livre" em uma blusa de malha. Sem qualquer influência minha, Monique desenhou o globo terrestre. Acima do globo escreveu: "Deus o criou". E logo abaixo colocou: "perfeito e devemos preservá-lo".
           Observando aquela singela obra de arte feita por uma pré-adolescente, meditei: essa é a simplicidade que exige reflexão e qualidade! É uma mensagem com uma profundidade espiritual tremenda! É uma mensagem contemporânea! É a correta cosmovisão do cristão! É um lema para uma preservação ecológica cristã!
            É exatamente o inverso da pregação esotérica que nos ensina a preservar o planeta Terra como um método para descobrirmos o deus que supostamente somos. A ecologia esotérica apregoa que preservando a natureza vamos despertar em nós a deusa Gaia. Aceitar essa doutrina mística é beber profundamente no poço pagão do hinduísmo. Do prisma cristão, é ser tão míope ao ponto da criatura querer ser igual ao seu Criador. É cair no conto da serpente do Éden: "sereis iguais a Deus" (Gênesis 3.5). É transformar-se em um "Frankenstein" espiritual.
           Seduzir as crianças para o ocultismo através da ecologia esotérica é, sem dúvida, uma armadilha bastante atraente usada por Satanás.
           Como pais e avós evangélicos devemos ficar, mais do que nunca, de olhos bem arregalados, vigiando as escolas e os professores dos nossos filhos e netos. Mas para isso é preciso que os pais e avós saibam discernir a ecologia sadia da esotérica. Apoiar e incentivar a preservação da natureza de maneira espiritualmente correta é fundamental! Da mesma forma, execrar e criticar aquelas noções que seduzem nossas crianças para o misticismo, é essencial!
          Atenção, papais e mamães... fiquem de olhos bem abertos! Nossos filhos estão sendo galanteados por uma ecologia esotérica parida do hinduísmo e endossada pela Nova Era. As escolas que passam noções esotéricas para os alunos são como um flautista de Hamelin de início de milênio. Só que, em vez de atrair as crianças para o rio Weser com o som de uma flauta, pode levá-las para o lago que arde com fogo e enxofre.
          Atenção, liderança cristã... os modismos da igreja cristã seguem, com algum atraso, os da cultura secular. Preservar o meio ambiente está na crista da onda. Os cristãos devem, portanto, ter bastante cautela antes de se engajar no modismo do ambientalismo. Preservar os diversos ecossistemas é bom demais, mas preservar a fé é ainda melhor.
          Que as várias manifestações da natureza possam nos quebrantar diante da majestade do Criador:
 "Quando vejo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que preparaste, que é o homem mortal para que te lembres dele? [...] Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome sobre toda a Terra!" (Salmo 8.3-9).

Notas:
1. Artigo "Goddess Worship", Spiritual Counterfeits Project Newsletter. Berkeley, California, USA, volume 23:2, Winter 1998/99, páginas 1 e 4.
2. Starhawk, The Spiral Dance. Harper and Row, New York, USA, 1989, página 23.
3. Artigo "Goddess Worship", Spiritual Counterfeits Project Newsletter, página 9.
4. Hunt, Dave, Occult Invasion. Harvest House Publishers, Eugene, Oregon, USA, página 131.

Autor:  Dr. Samuel Fernandes Magalhães Costa

Publicado anteriormente na revista Chamada da Meia-Noite, julho de 2005. 

13 de out de 2014

Quatro conselhos que podem mudar sua caminhada



" Quanto ao mais, irmãos, regozijai-vos, sede perfeitos, sede consolados, sede de um mesmo parecer, vivei em paz; e o Deus de amor e de paz será convosco." 2 Coríntios 13:11

          Apesar das dificuldades na caminhada cristã, podemos torná-la mais suave e agradável se observarmos o conselho do apóstolo Paulo aos irmãos de Corinto. São quatro conselhos importantíssimos nesse versículo que devem ser absorvidos por nós e praticados também:

          Regozijar-se (Alegrar-se): Não tem como viver uma vida saudável sem alegria, a bíblia diz:

"O coração alegre aformoseia o rosto, mas pela dor do coração o espírito se abate." Pv 15:13
"O coração alegre é como o bom remédio, mas o espírito abatido seca até os ossos." Pv 17:2
"Todos os dias do oprimido são maus, mas o coração alegre é um banquete contínuo." Pv 15:15

          Sem alegria em nosso coração damos espaço para que a depressão, o desânimo, as dúvidas, as fraquezas governem nossa vida. Mas a alegria que vem de Deus é que deve governar nossa vida, pois ela é maior que qualquer circunstância adversa pela qual passamos. A presença de Deus é a fonte inesgotável de alegria, a bíblia diz: "Far-me-ás ver a vereda da vida; na tua presença há fartura de alegrias; à tua mão direita há delícias perpetuamente." (Salmos 16:11) e outa vez diz: "Gloriai-vos no seu santo nome; alegre-se o coração dos que buscam ao Senhor."(1 Crônicas 16:10)
           É verdade que podemos encontrar alegria em várias coisas e em vários momentos, mas é uma alegria momentânea, passageira. A alegria que vem de Deus nos faz fortes: "(...)portanto não vos entristeçais; porque a alegria do Senhor é a vossa força." (Neemias 8:10)
           A salvação de Deus nos dá alegria: "Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário." (Salmos 51:12)
         As bênçãos de Deus nos enchem de alegria: "Então a nossa boca se encheu de riso e a nossa língua de cântico; então se dizia entre os gentios: Grandes coisas fez o Senhor a estes." (Salmos 126:2)

           Ser perfeito (Buscar a perfeição): Sabemos que a única característica comum a toda humanidade é a imperfeição, é inerente ao ser humano o ser imperfeito. Como pois, Paulo nos orienta a sermos perfeitos? Nós somos uma obra inacabada de Deus a qual Deus nos molda dia após dia até que estejamos completos como ele é. Mas somos nós que devemos nos empenhar em sermos aperfeiçoados, devemos rejeitar aquilo que nos suja, que nos destrói, que nos deixa aleijados (espiritualmente). Somos encorajados a ser perfeitos e se, nos empenharmos em uma busca incessante pela perfeição, com certeza um dia seremos. Nossa busca pela perfeição não se aplica a perfeição física como muitos por aí gastam milhares de reais para alcançar "o corpo perfeito", a perfeição que Deus quer ultrapassa o entendimento humano e só é revelada pelo Espírito de Deus que nos orienta dia após dia como devemos agir.
          Nosso esforço para alcançá-la deve nos fazer superar nossas vontades e colocar a vontade de Deus acima das nossas. Devemos nos esforçar ao máximo para alcançar o máximo de perfeição possível aqui na terra afim de que alcancemos a perfeição em nível completo no céu.

          Ser consolados: Consolo na bíblia tem o significado de encorajamento, impulsionamento, fortalecimento. O Espírito Santo é o nosso Consolador. Quando somos cheios do Espírito Santo ele nos consola, nos impulsiona, nos encoraja. A aflição e o desespero já não tem lugar em nossos corações pois estamos tomados de um novo ânimo e perseverança para prosseguir, apesar das dificuldades. É interessante Consolador em inglês é comforter, que também significa : cachecol, acolchoado (edredom), manta de lã...
          Quando nos entregamos ao Espírito Santo somos envolvidos por um manto de conforto que nos acolhe em meio ao frio do inverno mas, ele também é tão confortante como uma brisa suave que nos refrigera em dias de calor.
          Ser de um mesmo parecer e viver em paz: Deus sempre quis que seu povo fosse unido em comunhão: "Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união." (Salmos 133:1).
          Todos devemos buscar o bem comum e não cada um seus próprios interesses. Quado temos um mesmo modo de pensar, Deus derrama sua bênção, a bíblia diz: "Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus." (Mateus 18:19) e outra vez: "E o Senhor disse: Eis que o povo é um, e todos têm uma mesma língua; e isto é o que começam a fazer; e agora, não haverá restrição para tudo o que eles intentarem fazer." (Gênesis 11:6)
          Devemos todos andar em harmonia com a palavra de Deus, somente assim poderemos ter o mesmo objetivo: agradar a Deus. Quando temos o mesmo propósito e o mesmo objetivo fica mais fácil caminhar em paz uns com os outros, pois o que provoca discórdia sempre é o modo diferente de pensar,cada um defende seu próprio pensamente sem levar em conta qual deles contribui melhor para o bem comum. Apesar disso, temos a afirmação que a verdadeira paz vem somente de Jesus: "Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize." (João 14:27); por isso, muitas vezes, devemos nos entregar a Deus para receber a verdadeira paz.

Portanto Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor; (Hebreus 12:14)


8 de out de 2014

Como estou dirigindo?




"Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, remindo o tempo; porquanto os dias são maus."  Efésios 5:15-16

Quantas vezes nos deparamos com carrros de determinadas empresas onde há um adesivo com esse dizeres: "Como estou dirigindo?" e tem um número de telefone disponível caso alguém tenha uma reclamação a fazer?
Já pensou na possiblidade de Deus colocar um "adesivo" desses em nós e um "número de telefone" para contato?
Sabemos que nessas empresas, geralmente, as ligações são atendidas por setores separados. Normalmente existem os setores: Reclamação; Sugestão; Dúvida; Elogios. Claro, varia de empresa para empresa...
Se Deus criasse esses departamentos no céu (óbvio que isso é só para meio de reflexão, quem lê entenda...) e deixasse os "operadores de telemarketing celestes" atendendo às ligações, qual seria o setor mais procurado para falarem de você ?
Tem aqueles que dizem assim: " Não me importo com o digam de mim, importa o que Deus pensa..."; porém, Deus mandou que fôssemos suas testemunhas para as pessoas porque ele não precisa do nosso testemunho, ele já nos conhece, melhor que nós mesmos.
Disse Jesus: " ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra." Atos 1,8b. Assim como o veículo de uma empresa carrega consigo a marca da empresa, nós como cristãos, carregamos a marca de Cristo em nós, o que fazemos ou deixamos de fazer é relevante para os homens sim, pois é isso que vai fazer a diferença entre a salvação e a perdição das pessoas: como elas vêem Deus através de nós.

Setor de reclamação: " Bom dia, gostaria de falar que aquele crente que mora perto de casa, diz muito que o Senhor pode mudar a minha vida, mas ele vive procurando confusão no bairro; discutindo com a família dele; sempre que pode, dá uma paradinha no boteco da esquina, quero dizer que não concordo com isso e não quero ser "crente"."

Setor de sugestão: " Olha, eu realmente acho que ser "crente" até que não é má coisa, mas acontece que se eu fosse "crente" eu não faria o que aquele colega do trabalho faz... Sinceramente, acho que se a pessoa diz que tem Deus, ela deve fzer o que ele manda... eu que nem sou "crente" não faço metade do mal que ele faz às pessoas que convivem com ele, acho que ele deveria consertar sua vida antes de falar dos outros... Só acho..."

Setor de dúvidas: "Boa tarde, gostaria de saber se um "crente" pode ter uma amante, pois eu vi um cara da igreja saindo com outra mulher que não é a dele. É assim mesmo, porque dizem que no passado, os homens tinham concubinas e Deus deixava, como é isso?"

Setor de elogios: " Puxa! Eu só tenho que agradecer, viu? Se não fosse meu vizinho cristão falar de Jesus pra mim, minha vida teria acabado! Tive vontade de largar minha família, meu trabalho, sumir de casa, mas meu amigo me apresentou a solução para os meus problemas: Jesus! Glória a Deus!"

E então, o que andam dizendo a seu respeito? Como você tem representado a Cristo, como um "crente" ou como um autêntico cristão? Diga-se de passagem, que há muita diferença entre ser crente e ser cristão: ser crente é ter fé em alguma coisa, crer em algo ou alguém; ser cristão é ser parecido com Cristo.
Como representantes de Cristo, é da conta das pessoas sim a nossa vida, elas tem que prestar atenção em nós e ver a Glória de deus refletida em nós, não só pelos bens materiais que possuímos, mas o quanto de Deus nós conseguimos exalar mesmo diante de extremas necessidades.

24 de set de 2014

COMO DEVEMOS ENCARAR O NATAL?

          Certa vez, li uma história que nos mostra qual é o significado do Natal e como devemos encará-lo. Falava de um pastor que adormeceu em seu gabinete numa manhã de Natal e sonhou com um mundo no qual Jesus nunca tinha vindo.
          Em seu sonho, viu-se andando pela casa; mas lá não havia presentes no canto da lareira, nem árvore de Natal, nem coroas enfeitadas; e não havia Cristo para confortar, alegrar e salvar. Andou pelas ruas, mas não havia igrejas com suas torres pontudas apontando para o céu. Voltou para casa e sentou-se na biblioteca, mas todos os livros sobre o Salvador haviam desaparecido.
          Alguém bateu-lhe à porta. Era uma pessoa que lhe pedia que fosse visitar sua pobre mãe que estava à morte. Ele apressou-se a acompanhar o filho choroso. Quando chegou àquela casa, o pastor disse:
          “ Eu tenho aqui alguma coisa que a confortará.”
          Abriu a Bíblia, procurando alguma promessa bem conhecida, mas viu que ela terminava em Malaquias e não havia evangelho, nem promessa de esperança e salvação. Ele só pôde abaixar a cabeça e chorar com a enferma, em angústia e desespero.
          Não muito depois, estava ao lado do caixão fúnebre, mas não havia mensagem de consolação, nem palavra de ressurreição gloriosa, nem céu aberto; apenas “pó ao pó”, e um longo e eterno adeus.
          Então, o pastor percebeu que “Ele não tinha vindo”. E rompeu em lágrimas e amargo pranto, em seu triste sonho.
          De repente, acordou ao som de uma música. E um forte grito de júbilo saiu-lhe dos lábios, o coro cantando:
       
         "Ó vinde, fiéis, triunfantes, alegres,
         Sim, vinde a Belém, já movidos de amor.
         Nasceu vosso Rei, o Cristo prometido!
         Oh, vinde, adoremos ao nosso Senhor!"

         Este é o verdadeiro sentido no Natal: Jesus, o único Mediador entre Deus e os homens; Maravilhoso, nosso Deus forte, nosso Príncipe da Paz. Alegremo-nos, pois o Natal é Cristo em nós. É a nossa salvação. É nosso perdão, nossa redenção.
         Celebrar o Natal é celebrar Jesus.

Símbolos do Natal 

          De todas as festas cristãs, o Natal é uma das mais bonitas. Ela é cheia de cores, de luz e de símbolos muito ricos em significados. Os símbolos apontam para algo. Muitos consideram alguns símbolos usados no Natal como vindos de culturas pagãs.
          Por isso, vamos fazer um pequeno estudo dos mais conhecidos símbolos de Natal. Depois, poderemos tirar nossas próprias conclusões. Assim, poderemos escolher a melhor forma de usá-los.     Vejamos o que Deus pode nos dizer através desses símbolos.

A Árvore de Natal 

          A árvore de Natal desempenha um papel importante na data comemorativa do nascimento de Jesus. Os cristãos da antiga Europa ornamentavam suas casas com pinheiros no dia no Natal, única árvore que nas imensidões da neve permanecem verde.
          Há várias histórias sobre a origem da árvore de Natal. Uma das favoritas é de que, certo dia, Martinho Lutero caminhava à noite e olhou para o céu estrelado atrás de um pinheiro. Ele estava pensando em uma forma de celebrar o Natal com a família. De repente, ao olhar aquele pinheiro com as estrelas brilhando ao fundo, pensou em uma árvore com velas brilhando, imitando estrelas.
Lutero, então, cortou um pinheiro, levou-o para casa e , juntamente com os filhos foi decorando com frutas, laços coloridos e finalmente, com velas que acendia às noites enquanto falavam sobre a vinda de Jesus, que trouxe luz às nossas trevas.
           A árvore de Natal é um símbolo natalino que representa agradecimento pela vinda de Jesus Cristo.

Presentes 

          A idéia de trocar presentes no Natal está relacionada, entre outros motivos, aos magos que trouxeram presentes para Jesus. A troca de presentes entre as pessoas é uma forma de lembrar que a oferta generosa de Deus em Cristo é para todos.
          Os presentes significam que Deus não abandonou o homem, que ele nos deu o maior presente: Jesus. Esse presente é para qualquer pessoa que quiser; rico, pobre, preto, branco, morador de favela, japonês, coreano, filho de mãe solteira, que o pai não ama, não respeita, não importa. O presente de Deus é para todos.

A Estrela 

          A estrela representa o sol da justiça que guiou os magos. A estrela tornou-se o símbolo do extraordinário que aconteceu naquela noite, ela aponta para o local do nascimento de Jesus e aponta para a plenitude de vida que representa essa vinda de Deus ao mundo.

A Cantata ou Coral 

          Simboliza o primeiro dia em que os anjos vieram a Terra cantando. Não se ouviu na história que os anjos cantaram aqui na Terra, a não ser no dia que Jesus nasceu.

A Ceia 

          A ceia representava o Cordeiro pascal, a presença do Cordeiro que tira o pecado do mundo. Ela une as pessoas e festeja a vinda de Cristo.
          Por isso, reúna a família, faça uma ceia. Se não puder comprar um pero, asse um frango, uma carne, uma farofa, um arroz com passas. Promova uma ceia na sua casa na noite do Natal, ou na véspera se quiser. Se não tiver ninguém, coma sozinho, ou convide alguém.

Guirlanda 

          Na Inglaterra, sempre-vivas eram usadas como decoração de Natal nas ruas. Na Alemanha, passaram a arrumá-las em forma de círculo, representando o amor de Deus que nos protege.

Cartões de Natal 

          Na Inglaterra, em 1844, um famoso artista chamado William de Birmingham começou a pintar cenas natalinas e a escrever mensagens para representar seus amigos na época de Natal. Aqueles cartões fizeram muito sucesso. No ano seguinte, ele fez cópias de seus cartões e continuou a presentear seus amigos.
A idéia se espalhou rapidamente. Os cartões de Natal nos lembram o espalhar a boa-nova.
       
Então, vimos que os símbolos são apenas isso: símbolos. Não há nada de especial nem errado neles. São apenas uma forma de celebrar o Natal. O essencial ao Natal é Cristo.


Extraído do Livro
” Natal a mais linda festa” - Pr. Jorge Linhares 

(Artigo publicado no blog MINISTÉRIO INFANTIL)

SEMANA DE ORAÇÃO DAS CRIANÇAS - 5 A 11 DE OUTUBRO DE 2014

  


Mais do que nunca é necessário orar pelas crianças e é maravilhoso quando você, criança pode também orar.
Jesus sabe muito bem o que é ser criança, pois ele foi uma criança como você.
Embora a Bíblia não fale muita coisa de sua infância e juventude, aprendemos que Jesus crescia fisicamente, em sabedoria e num viver que agradava a Deus e as pessoas ao seu redor.
Você, criança, que já conhece o Senhor e Salvador Jesus Cristo:
1) Ore para que todas as crianças conheçam a Palavra de Deus desde a infância e se tornem sabias para a salvação que é pela fé em Cristo Jesus!
2) Ore para que as crianças amem a Jesus e vivam para agradar a Deus!
3) Ore para que as crianças sigam o exemplo de Jesus!
4) Ore cada dia desta semana pelos assuntos aqui apresentados e compartilhe estes pedidos com os seus amigos! 
5) Ore com fé! 
6) Ore em nome de Jesus!
1º. DIA – DOMINGO – 05 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças de países fechados que vivem onde não há liberdade para prestar culto a Deus, nem para ir à Escola Dominical e nem para falar de Jesus às pessoas.
             Em alguns países, como China, Turquia e Arábia Saudita, os cristãos são perseguidos, por causa de sua fé em Jesus e porque amam a Bíblia. Imagine por alguns instantes como seria se você vivesse num país assim.
            Nesses países, as crianças são proibidas de ouvirem sobre a Palavra de Deus e são treinadas até a terem ódio de tudo quanto se refere a Deus e ao seu Filho, Jesus Cristo.
            Ore por estas crianças, para que possam conhecer o amor de Deus.
            Ore pelas autoridades destes países, para que possam permitir a liberdade religiosa.
            Ore pelos cristãos que são maltratados por causa de sua fé em Cristo, para que fiquem firmes e tenham o conforto da presença de Deus onde se encontram.
            Ore agradecendo a liberdade que há no Brasil e para que isto possa ser bem aproveitado por todos; que haja alegria em participar dos cultos, da escola dominical e das demais reuniões do povo de Deus.
Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
1. Toda criança tem direito de ser procurada com afinco e dedicação para não ficar perdida - "Assim, pois, não é da vontade de vosso Pai celeste que pereça um só destes pequeninos". (Mateus 18:14)
2. Toda criança tem direito de receber proteção e cuidado especial - "Quem receber uma criança, tal como esta, em meu nome, a mim me recebe. Qualquer, porém, que fizer tropeçar a um destes pequeninos que creem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse no pescoço uma grande pedra de moinho, e fosse afogado na profundeza do mar". (Mateus 18:5,6)

2º. DIA – SEGUNDA-FEIRA – 06 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças indígenas que vivem no sertão, nas florestas, nas beiras de rios e que nada sabem sobre a mensagem do amor de Deus através de Jesus Cristo.
            Imagine só se você tivesse nascido no meio de uma tribo indígena. Você não conheceria telefone, nem televisão, nem internet, nem máquina fotográfica, nem automóvel e tantas outras coisas que fazem parte da vida nas cidades.
            Imagine que você está andando pelo meio do mato, imitando os cantos dos pássaros, os berros dos macacos, indo pescar com a sua fecha lá no rio, vendo passar no céu um avião e se perguntando: - Que tipo de passarinho é aquele?
            Só aqui no Brasil existem mais de 300 tribos indígenas e cada uma delas tem a sua própria língua. Como é que estes milhares de índios irão saber a respeito de Deus se ninguém for até lá para contar-lhes?
            Ore pelas crianças indígenas, para que possam conhecer o amor de Deus.
            Ore para que os missionários tenham liberdade de entrar nestas aldeias para anunciar a Palavra de Deus.
            Ore para que Deus desperte muitos outros missionários com o desejo de aprender a língua destes índios e também com capacidade para traduzir a Bíblia nestas línguas.
Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
3. Toda criança tem direito de conhecer o CAMINHO, a VERDADE e a VIDA - "Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim". (João 14.6)
4. Toda criança tem direito de não morrer pelos pecados cometidos. Jesus pagou o preço - "Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores". (Romanos 5.8)

3º. DIA – TERÇA-FEIRA – 07 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças especiais que vivem muitas vezes isoladas das demais crianças por causa de deficiências auditivas, físicas, mentais, visuais, etc.
            Imagine só se você não conseguisse enxergar o rosto de seus pais, nem as cores ao seu redor, nem pudesse ver como é de fato um gato ou um cachorro.
            Imagine também se tudo fosse um silêncio só. Nada de som nas palavras, nada de música.
            E não poder andar, ou ter a falta de um braço? Ou não conseguir ter uma boa coordenação motora por deficiência no cérebro?
            Você já agradeceu a Deus por todas as coisas boas que Ele lhe deu?
            Caso você tenha alguma destas deficiências, ou tenha alguém bem pertinho de você que seja especial, agradeça também a Deus. Podemos não entender todas as coisas que nos acontecem, mas podemos entender e crer uma coisa: Deus é sempre bondoso e amoroso.
            Ore pelas crianças especiais para que possam conhecer o grande amor de Deus demonstrado em Jesus Cristo.
            Ore para que estas crianças possam vir à igreja e ser bem recebidas; para que encontrem nas igrejas pessoas que as amem e possam ensinar sobre Jesus para elas de maneira que elas possam entender, e também ajudem os seus pais a conhecer Jesus.
            Ore para que Deus aumente o número de pessoas capacitadas para evangelizar as crianças especiais.
Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
5. Toda criança tem direito de Tornar-se filho de Deus - "Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome". (João 1:12)
6. Toda criança tem direito de ser discipulada e receber crescimento espiritual - "Antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo". (2 Pedro 3.18)

4º. DIA – QUARTA-FEIRA – 08 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças em situação de risco que sofrem maus tratos, abusos, e vivem em lugares perigosos e sujeitos a todo tipo de maldade.
            Imagine o sofrimento de uma criança que precisa trabalhar duro quase como se fosse um escravo; ou uma criança que é espancada por um pai bêbado; ou uma que vive num lugar onde existe tráfico de drogas e as pessoas andam armadas, dando tiro por qualquer motivo.
            Imagine que, todos os dias, entram nos hospitais centenas de crianças que estão assustadas e sofrendo por causa dos maus tratos causados por pessoas mais adultas.
            Imagine crianças que não têm condições de ter uma boa alimentação, ou uma boa roupa, ou de irem a uma boa escola, ou mesmo de receberem um bom tratamento num hospital. Há milhões vivendo assim. Costuma-se dizer que são crianças em situação de risco.
            Ore por estas crianças em situação de risco, para que conheçam o grande amor de Deus, que pode salvá-las e transformar a tristeza em alegria.
            Ore para que sejam preservadas do mal e do engano e para que encontrem pessoas que as respeitem e as considerem importantes.
            Ore para que Deus aumente o número de pessoas capacitadas para evangelizar estas crianças em situação de risco.
            Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
7. Toda criança tem direito de ter uma vida abundante em Cristo - "O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância". (João 10:10)
8. Toda criança tem direito de ter uma armadura completa para defender-se do mal - "Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo". (Efésios 6:11)

5º. DIA – QUINTA-FEIRA – 09 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças bem favorecidas que vivem no meio de tanto conforto e luxo, mas às vezes também de solidão.
            Imagine hoje ser uma criança nascida no meio da maior riqueza, tendo uma multidão de empregados para fazer todo o serviço, motorista para levar você para a escola, para a aula de música, de judô, de natação, de inglês.
            Imagine que você faz as mais lindas viagens ao redor do mundo na época das férias. Na verdade você não tem falta de nada, talvez de amigos, ou de seus próprios pais que estão sempre viajando e não tem tempo nem de conversar.
            Imagine que você tem tudo, mas viva como se estivesse numa prisão, com medo de sequestro, de ser assaltado e tantos outros temores.
            Ore pelas crianças bem favorecidas, pois mesmo que não lhes falta nada, talvez  não tenham o mais importante: o conhecimento do amor de Deus. Elas precisam ouvir sobre Jesus Cristo e nEle crer.
            Ore para que compreendam que tudo vem de Deus e aprendam a ser agradecidas e a repartir com os que precisam.
            Ore para que Deus aumente o número de pessoas capacitadas e que possam evangelizar bem estas crianças. 
Ore também  pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
9. Toda criança tem direito de orar e receber resposta - "Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á.Porque, aquele que pede, recebe; e o que busca, encontra; e, ao que bate, abrir-se-lhe-á".(Mateus 7:8
10. Toda criança tem direito de pertencer ao corpo de Cristo e atuar como parte importante nesse corpo, inclusive como missionária - "Antes, os membros do corpo que parecem ser os mais fracos são necessários". (1 Coríntios 12:22)

6º. DIA – SEXTA-FEIRA – 10 DE OUTUBRO
Dia de orar pelas crianças salvas, isto é, que já receberam a Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador.
            Pense agora nas crianças que estão na igreja, talvez há bastante tempo, mas ainda não receberam a Jesus Cristo em seus corações como Seu Senhor e Salvador. Há muitas assim. Seria você uma delas? Se você não tem certeza se já é salvo, peça a alguém que o ajude a saber, pela Bíblia, como você pode ter essa certeza.
            Pense agora naquelas que um dia reconheceram o seu pecado, se arrependeram, creram em Jesus Cristo que morreu na cruz pelos pecadores, que ressuscitou e está vivo, pronto a salvar os que nele confiam. Há muitas assim. Você seria uma delas?
            Ore pelas crianças já salvas, para que possam se tornar CRIANÇAS EM AÇÃO, isto é, dispostas a falar de Jesus às outras crianças.
            Ore para que as crianças salvas sejam bem treinadas para evangelizar os seus amigos na escola, na igreja, na vizinhança, os seus primos e primas, e até adultos também.
            Ore para que as crianças salvas coloquem as suas vidas nas mãos de Deus para servi-lo com muito amor e dedicação.
Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
11. Toda criança tem direito de ressuscitar quando Jesus voltar - "Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele". (I Tessalonicenses 4:14)

7º. DIA – SÁBADO – 11 DE OUTUBRO
Dia de orar pela Aliança Pró Evangelização das Crianças, uma missão da JANELA 4 x 14, que trabalha pela salvação das crianças em189 países em todo o mundo.
            Imagine como é grande a necessidade de um trabalho missionário para alcançar as crianças de todo o mundo.
            Imagine qual a melhor idade para que uma pessoa possa crer em Cristo e recebê-lo como Senhor e Salvador.
            Quando jovem? Depois de tornar-se adulta? Quando fica velho? De maneira nenhuma!
            A melhor idade é dos 4 aos 14 anos, que é chamada então JANELA 4 X 14.
            Ore pela Aliança Pró Evangelização das Crianças – APEC, a missão da JANELA 4 X 14 que trabalha pela evangelização e salvação das crianças em todos os continentes em mais de 160 países do mundo.
            Ore pelos missionários da APEC para que tenham o sustento financeiro, forças físicas e espirituais para fazer um bom trabalho.
            Ore para que Deus chame e capacite mais missionários para os campos que tanto necessitam de obreiros.
            Ore pelos diretores, conselheiros, colaboradores, voluntários e obreiros da APEC.
Ore também pelos direitos da criança, do ponto de vista cristão:
12. Toda criança tem direito de ter um novo nome na glória - "Ao que vencer darei a comer do maná escondido, e dar-lhe-ei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe". (Apocalipse 2:17)
 

20 de set de 2014

Seis Dicas Para Ler a Bíblia



          Há diversas formas de se olhar para o texto bíblico. Por ser um Livro com milhares de anos de existência e que traz em seu conteúdo verdades de fé, é possível lê-lo de várias maneiras.
          É claro que estas aqui apresentadas não são as únicas, mas procuramos apresentá-las de maneira complementar – uma não exclui a outra – e todas elas podem se mostrar válidas aos seus objetivos.


Confira 6 planos para a leitura da Bíblia:

1°) Leitura Literária – Faça da leitura um hobbie.
2°) Leitura Histórica – Compare os fatos bíblicos com a História Geral.
3°) Leitura Devocional – Procure se concentrar nas verdades reveladas; acima de tudo, são estas verdades que Deus quer lhe falar.
4°) Leitura Técnico-pastoral – Lembre-se sempre que a Palavra de Deus é soberana, assim tenha uma atitude humilde de buscar somente o que o próprio texto diz e nunca levar convicções pessoais ao texto.
5°) Leitura Crítica – É fundamental neste nível de leitura que não se despreze nenhum recurso disponível na obtenção da verdade e dos argumentos originais.
6°) Leitura Apologética – Sendo este o caso, é importante conhecer os conceitos e doutrinas do oponente para que se busque textos que afirmem diretamente as verdades doutrinárias que se deseja enfatizar.

Seja qual for seu objetivo ou motivo, leia sempre a Bíblia.

18 de set de 2014

Aliados de satanás

Atente bem para essas três palavras: Orgulho, vaidade, soberba. Se elas estiverem dentro do ser humano, o diabo não tem preocupação com ele, pois ele sabe que isso foi a queda dele (do diabo), e com certeza, será a queda de todos os que deixarem isso entrar no coração. Orgulho, vaidade e soberba tem sido a destruição de milhões de crentes em toda a terra, e acredite Deus não colocou isso dentro do homem. Deus não iria colocar algo dentro homem para destruí-lo e sim, para edificá-lo. Então, sendo assim, eu acredito firmemente, que Orgulho, vaidade e soberba, provêm do diabo. E ele tem passado essa idéia, como na rebelião (Ez 28:11-19), a todos os homens, desde Adão e Eva (Gn. 3), e tem chegado até aos nossos dias. Eu sei que nesse momento em que líderes (Bispos, Pastores e etc... .) estejam lendo esse estudo vão dizer: "O diabo não pode possuir a mim, pois tenho o Espírito de Deus". E eu irei responder: É verdade o diabo não pode possuir quem tem o Espírito de Deus, sem dúvidas! Jamais pode nem poderá; mas ele está a todo instante lançando ideias, e isso tem sido a queda de muitos líderes e membros das igrejas em toda a terra. Pois as pessoas se esquecem fácil, quem eram, de onde vieram, e o que Deus as tornou; Eu disse, Deus as tornou em Cristo Jesus, e deixam as sugestões do diabo com facilidade encontrar espaços em suas mentes. 

O que é Orgulho? O que ele causa na pessoa?

É a sugestão que o diabo lança na mente do ser humano para fazer com que a pessoa se admire, se auto-idolatre, se ache soberana, insubstituível, incomparável, como o diabo pensou um dia, antes da queda dele (Ez. 28). O que causa: Deixa a pessoa prepotente, arrogante, afastada e destacada dos outros, pois acha que não existe ninguém melhor que ela, e isso, com certeza meu amigo, é queda na certa, como foi a queda de satanás. 

Vaidade:  

Significa querer aquilo que não é necessário, aquilo de que não precisa João Batista disse: “Importa que ele cresça e eu diminua” (Jo 3:30).
Muitos têm se preocupados em aparecer e se exibir, como se a aparência pudesse transformar a vida de alguém. Quem tem que aparecer é Jesus e não nós, se é que Jesus está na sua vida de fato!
O que transforma a vida das pessoas é a poderosa Palavra de Deus, que as pode fazer nascer de novo, (Jo 3:1-6) e não o exibicionismo, como temos visto nos últimos dias. Principalmente, de lideranças querendo status (coisa mundana), de pop star; dão autógrafos, querem camarins particulares, e isso sem falar na fortuna que cobram para pregar a Palavra de Deus. Mas também, eles encontram sempre trouxas para pagar, só que não pagam dos seus bolsos, tiram dos Dízimos e Ofertas. Também, a esses, sua hora vai chegar! Fazem isso, quando na verdade Jesus nos deu de graça e mandou-nos dar de graça; mas são mercenários, ladrões, hipócritas, diabólicos como Pedro fala em (2Pe. 2). Então, esse tipo de gente não tem parte no reino de Deus, e eu conheço muitos assim. 

Soberba: 

 Veja o que diz Tiago 4:6: “Deus resiste aos soberbos, dá, porém, graças aos humildes”. Soberba é o contrário da humildade. Enquanto humildade significa reconhecimento, Soberba significa nunca reconhecer. As pessoas deixam os seus corações se encherem a tal ponto de arrogância, que acham que tudo o que têm vêm delas mesmas. Que elas são as fontes de tudo e que são boas demais. Então a esses tais, a Bíblia diz como no texto do apóstolo Tiago, acima citado. Deus lhes resiste, Deus não está com eles, estão entregues à própria sorte e a destruição desse tipo de pessoa é certa; como também, através da vaidade e orgulho, ambos andam de mãos dadas. Cuidado! Ambos têm matado mais pessoas do que o diabo, pois, orgulho, vaidade e soberba, foram gerados por ele (satanás). 

Agora eu te pergunto: Você já aprendeu a identificar onde Deus está e onde Ele não está? O que é igreja e o que é palco de palhaços orgulhosos, vaidosos e soberbos? Porque as igrejas estão caídas? (refiro-me as que deixaram a Palavra). Como identificar se uma liderança foi levantada por Deus ou pelos homens? 
Se existem dúvidas em você, entre em contato com o Espírito do Senhor, e Ele te mostrará a verdade. Se você quiser a verdade, porque tem gente que prefere continuar dentro destes antros de prostituições, que tem título de igreja, mas que a muito, estão reprovados por Deus. 
Meu conselho para você é: Leia a Bíblia sempre! Não despreze a Bíblia por nada! Ore em todo lugar e tempo (I Ts 5:17), e ande firmado, somente no que Jesus falou e terás uma vida de vitórias. 

|  Autor: Pr.Carlos André  |  Divulgação: estudosgospel.com.br

CONFEDERAÇÃO DO ANTICRISTO É LANÇADA NO MUNDO ÁRABE




Embora nem todo árabe seja muçulmano, durante séculos o chamado Mundo Árabe reuniu a maior parte dos seguidores de Maomé do planeta. O último grande império a levar a mensagem de submissão a Alá foi o Otomano, cuja sede ficava na atual Turquia.

Foi justamente a capital Istambul que hospedou o que está sendo chamado por especialistas em profecias bíblicas de “Confederação do Anticristo”. O sheik Yusuf al-Qaradawi, presidente da União Internacional de Sábios Muçulmanos, que representa o maior grupo de estudiosos muçulmanos em todo o mundo, anunciou: “Diferentemente de como era no passado, o califado dos dias de hoje deve ser estabelecido através de uma série de Estados, governados pela sharia lei islâmica, e apoiado por autoridades e o povo na forma de uma federação ou confederação”.
Liderados por Qaradawi, estão estabelecendo segundo a teologia islâmica, a formação de uma confederação futura de nações muçulmanas que serão criadas e estarão centrada na terra do califado muçulmano na Turquia, antiga Pérgamo na Bíblia. Um dos centros desse pensamento é a chegada iminente do grande Mahdi, pensamento disseminado nos últimos anos em diferentes países.
Uma pesquisa do Instituto Pew Research afirma que dois terços dos muçulmanos que vivem no planeta esperam que o Mahdi venha logo. Para a maioria deles, o Mahdi será o último imã profeta islâmico, que viria para unir todos os muçulmanos fiéis, governar o mundo e derrotar os inimigos dos que servem a Alá. A expectativa é mais difundida no Afeganistão (83%), Iraque (72%), Tunísia (67%), Turquia (68%) e Malásia (62%).
O que está sendo anunciando parece o cumprimento da profecia de uma confederação de dez nações, mencionada em quatro conhecidas passagens das Escrituras (Daniel 2: 31-35, 40-45, 7: 7-8, 19-24; Apocalipse 13: 1-2, 17: 3, 7, 12-16). Somente com o tempo será possível determinar se esse é um grande passo na preparação de uma confederação que dará o poder ao Anticristo. Para os especialistas, a confederação desses dez reinos será um aspecto importante da situação política do fim dos tempos.
O crescimento do movimento dos terroristas do Estado Islâmico estabeleceu um perigoso precedente, “ressuscitando” a ideia de um califado que estava extinta havia quase um século. Até o momento não há notícias do EI agindo na Turquia, mas para os estudiosos, o alerta de Apocalipse 2: 12-13 é que naquele país está o “trono de Satanás”. Um dos próximos passos esperados será a Turquia invadir o Egito (Daniel 11:42). Afinal, o sheik é um dos líderes espirituais do movimento “Irmandade Muçulmana” que foi deposta do governo egípcio recentemente.
Qaradawi deu uma longa entrevista à agência de notícias turca “Anatolia” sobre o assunto, onde afirmou: “Há países grandes como a China, que tem uma população de cerca de 1,5 bilhão de pessoas. Segundo as estatísticas, nesse momento o número de muçulmanos no mundo chegaria perto de 1,7 bilhão. Portanto, não podemos desprezar a ideia de formar uma União”.
Disse ainda que “grupos militantes como o EI que aparecem entre os muçulmanos é resultado da corrupção pelos governantes seculares. Os jovens muçulmanos acreditam que estão lutando pela causa de Deus, mas o que esses movimentos representam ainda é um grande problema que o novo califado da Turquia vai resolver “. Acrescentou que “a sucessão anunciada pelo Estado Islâmico (ex-ISIS) no Iraque e Síria não satisfazem as condições exigidas para ser um Califado global”.
Qaradawi finalizou lembrando algumas promessas do Alcorão e disse veementemente que um “exército angelical em breve descerá sobre a terra” quando do estabelecimento do Califado na Turquia. “As hostes angelicais descerão à terra na mesmo espírito por ordem do seu Senhor. A paz estará feita até o romper da Estrela da Manhã” (Q 97). Em textos como Isaías 14, esse é um título dado a Satanás.
Estudiosos retomam textos de Isaías 14 e Ezequiel 28, 30 e 32, que mencionam nações que hoje são islâmicas como Filístia (Palestina) o Sudão (Cuxe) e estados norte-africanos (Pute), Lídia (Turquia) e toda a Arábia e Egito, além da Assíria (Iraque – Síria), Elão (Irã) e Meseque e Tubal (Ásia menor, que inclui os estados muçulmanos do sul da Rússia).
Com Informações de Gospel Prime | Divulgação: Noticias Gospel
Cabe a nós como cristãos estarmos vigilantes, porque todo o cenário mundial cada vez mais mostra que a  Bíblia, apesar de ter sido escrita há muitos séculos atrás, ela é tão atual como qualquer artigo de jornal diário. Oremos para que não sejamos achados dormindo.
"Aprendei, pois, esta parábola da figueira: Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão. Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas. Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam. O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar. Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai. E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca,E não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem." (Mateus 24:32-39) 

13 de set de 2014

Rute - Um Amor Sacrificial e Altruísta




          Após perder seu marido, Rute decide seguir sua sogra por onde quer que ela fosse. Mesmo sabendo que as jovens viúvas eram livres para voltrar à casa de seu pai, ela também sabia que se o fizesse, Noemi ficaria sozinha e desamparada.
          Seu amor e misericórdia foram tão fortes que falaram mais alto no momento da decisão: voltar à casa de seus pais ou seguir para uma terra à qual não conhecia, com costumes estranhos, uma nova fé? Como tomar uma decisão que mudaria sua vida para sempre?
          A Bíblia não fala se Rute orou ou não, apenas relata que ela recusou a ir embora com sua cunhada quando Noemi as enviou em paz à casa de seus pais, dizendo: "Não me instes para que te abandone, e deixe de seguir-te; porque aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus; onde quer que morreres morrerei eu, e ali serei sepultada. Faça-me assim o Senhor, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti. (Rute 1:16-17) .
          Palavras extremamente fortes para os nossos dias, não? Ainda hoje, vemos tantos conflitos entre noras e sogras, disputando entre si o tempo todo coisas tão insignificantes, banais...
         O amor que Rute demonstrou a Noemi é um amor com compromisso. Ela se comprometeu a desligar-se de tudo que era importante pra ela e ligar-se na necessidade de Noemi, o que Noemi considerava importante. Rute queria a felicidade de Noemi acima da sua própria e que Noemi se sentisse segura e amparada.
         Às vezes, precisamos ser como Rute, nos importarmos mais com o bem-estar alheio que conosco mesmo Nesse mundo egoísta em que vivemos, cada um buscando seu próprio interesse, vemos pessoas como Noemi: amarguradas, desamparadas, solitárias, achando que Deus não as ama nem se importa com elas...
         A palavra de Deus diz, em Romanos 8,19: "Porque a ardente expectação da criatura espera a manifestação dos filhos de Deus." Por isso, cabe a nós, filhos de Deus, manifestar a graça de Deus aos perdidos através de ações altruístas, desinteressadas, liberais. 
        Acontece que, muitas vezes achamos que se não os conhecemos, nao temos que nos importar com os problemas deles (afinal, não é meu parente, nem mesmo amigo...não tenho nada a ver com isso...).
        Achamos pesado demais cuidar da nossa própria vida e não temos força nem tempo para ajudar o outro a carregar seu fardo. Esquecemos que a lógica de Deus é diferente da nossa, quando ajudamo o outro que acaba sendo ajudado somos nós, porque recebemos forças do próprio Deus. 
        Deus não deixa ninguém que decide fazer aquilo que é certo sem galardão, desde que seja de forma desinteressada, não egoísta. Deus conhece o coração de cada um de nós e sabe as intenções que temos ao fazer algo. 
        Rute achou que ficaria como sua sogra, sozinha. Mas Deus, além de trazer provisão para as necessidades básicas, como alimentação e moradia às duas, fez com que o testemunho de Rute foi espalhado pelas redondezas, trazendo honra a ela. Através do qual, alcançou graça diante de Boaz, um dos parentes de seu marido e que tinha direito de tomá-la como esposa e o fez.
        Boaz não só tomou Rute como esposa, como cuidou também de Noemi; Rute teve um filho e o chamou Obede, o qual foi pai de Jessé, avô de Davi. Ora, Rute chamou a atenção de Deus de tal forma com sua atitude que Deus lhe deu reis como descendentes, entre os quais estão o rei Davi e o próprio Rei Jesus.
        A bênção de Deus sobre nós é sempre maior do que abandonamos por causa dele. Que haja em nós um espírito como o de Rute: "Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo." (Filipenses 2,3)

12 de set de 2014

MARINA SILVA CRITICA IMPRENSA POR PRECONCEITO CONTRA ELA POR SER EVANGÉLICA


               Marina Silva (PSB) se queixou publicamente contra a imprensa por conta da ênfase que vem sendo dada ao fato de ela ser evangélica e disse acreditar que essa abordagem é fruto de “preconceito”.
A afirmação foi feita durante uma sabatina em Porto Alegre (RS), realizada pela emissora RBS TV, afiliada da TV Globo.
            “Essa pergunta é feita a mim porque sou evangélica, nunca vi ninguém fazendo essa pergunta a um líder católico ou a uma pessoa que não tenha crença”, disse Marina Silva em resposta ao questionamento feito sobre a influência de suas crenças na tomada de decisões caso seja eleita.
            “A fé de qualquer pessoa faz parte de sua vida e acho que deve ser respeitada tanto quanto quem não tem crença nenhuma. O presidente da República comprometido com o Estado laico tem de defender o Estado laico”, acrescentou a candidata.
            Marina já havia sido questionada no Jornal da Globo sobre sua fé e seu hábito de leitura da Bíblia Sagrada. Na ocasião, a candidata disse que considera a fé importante para que as decisões não sejam tomadas apenas pela frieza dos fatos. “A Bíblia é sem sombra de dúvida uma fonte de inspiração”, declarou.

Fonte: Noticias Gospel

Tempestades solares se dirigem para Terra




          Duas tempestades solares, uma ocorrida na noite de quinta e outra nesta sexta-feira, não devem causar grandes perturbações na Terra, informou o centro americano de Previsão do Clima Espacial.
          Dado ao nível de intensidade geomagnética esperado, estas tempestades "poderão provocar alguns problemas nas comunicações por rádio e sinal de GPS, assim como irregularidades na voltagem da rede de distribuição elétrica nas latitudes norte dos Estados Unidos", disse Thomas Berger, diretor do centro.
          Os efeitos "não devem produzir perturbações maiores na rede elétrica", acrescentou o funcionário em entrevista coletiva.
          As tempestades solares são resultado de erupções da massa coronal da superfície do Sol, a primeira ocorrida na noite de segunda-feira e a segunda, de maior intensidade, na tarde de quarta-feira.
          Estas erupções projetam plasma ionizado para o espaço em grande velocidade, o que produz uma  interferência no campo magnético terrestre, provocando tormentas magnéticas.
         As duas erupções foram muito próximas em espaço de tempo e ocorreram na mesma zona do Sol, no centro do disco, em direção à Terra, destacou Berger.
        Por esta razão, "não podemos excluir (a possibilidade de) uma maior intensidade destas tormentas solares, especialmente nas regiões polares, onde as interações com o campo magnético terrestre são mais fortes".
        Estas duas tempestades também deverão produzir auroras boreais espetaculares no norte dos Estados Unidos e no Canadá na noite de sexta-feira.
        Em 2012, uma forte tempestade solar quase atingiu a Terra, colocando em sério risco todo o sistema de redes elétricas e ameaçando "reenviar a civilização contemporânea ao século XVIII", revelou a Nasa em julho passado.
        A Nasa estima que o impacto de uma tempestade solar como a de 1859 - conhecida como "evento Carrington" - custaria a economia mundial dois trilhões de dólares e provocaria danos sem  precedentes em um mundo inteiramente dependente da eletricidade e da eletrônica.

Fonte: MSN Notícias

10 de set de 2014

Cristão refugiados escrevem mensagem bíblicas em tendas

Uma imagem compartilhada na internet registra diversas tendas, montadas temporariamente como abrigos para os cristãos desalojados. Cada tenda possui um número de identificação, escrito à tinta spray.
Na imagem, a tenda 68 chama a atenção, com a frase escrita em inglês: "Jesus é a luz do mundo." A frase vem de João 8:12: "Mais uma vez Jesus falou-lhes, dizendo: Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida."
A expressiva foto revela a perseverança de cristãos que não negam o nome de Jesus, mas sim a eles mesmos. São cristãos que vivem a essência do evangelho – estão carregando sua cruz, e seguindo a caminhada de fé por uma única motivação: o amor a Jesus.
"Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia; somos reputados como ovelhas para o matadouro. Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou." Romanos 8:35-37

Com informações de Conservative Tribune
Fonte: Guiame

20 de ago de 2014

As Sete Igrejas do Apocalipse - Esmirna

As Sete Igrejas do Apocalipse - Éfeso

Eva - A mãe de todos os viventes


          Adão recebeu a tarefa de supervisionar toda a criação, mas Deus declarou que não era bom que fizesse sozinho. De sua costela criou a mulher e a apresentou como esposa para Adão, atingindo assim o clímax da criação (Gênesis 2.18-24). Eva não foi uma ideia tardia ou repentina, mas uma parte indispensável do plano de Deus. Tanto Adão como Eva foram criados "à imagem de Deus", colocados no mundo para cuidar de todas as coisas que ele colocou sob seu domínio.
          A pureza e a inocência foram quebradas quando a serpente entrou em cena. Eva escolheu acreditar na mentira de Satanás. Ela era livre para colocar sua vontade acima da de Deus e o fez. Quando ofereceu o fruto ao seu marido, ele também desobedeceu. No Novo Testamento, Paulo explicou suas ações dizendo que Eva foi enganada, mas Adão comeu o fruto desobedecendo conscientemente (2 Coríntios 11.3; 1 Timóteo 2.14). O casal, cheio de culpa, escondeu-se de Deus, tecendo para si roupas de folhas de figueira, a fim de cobrir sua vergonha.  Eles não apenas quebraram seu relacionamento com deus, mas também o relacionamento entre si e com todas as gerações futuras, além da natureza sobre a qual deveriam dominar.
          Deus amaldiçoou a serpente e a terra por culpa do homem e profetizou tristeza, trabalho pesado e morte para o primeiro casal. Para a mulher, dor na gestação e ao dar à luz e em seu relacionamento com o marido. Ela apresentaria resistência à sua liderança na medida que seu papel de líder também iria se distorcendo (Gênesis 3.16).
          Expulsa de seu agradável lar, Eva concebeu e teve dois filhos. Sua alegria com o nascimento deles foi transformada em dor, como predito por deus. Caim assassinou seu irmão, desafiando a ordem de Deus em relação aos sacrifícios, e o Senhor o baniu do Éden. Eva ficou sem filhos até que a graça de Deus, mais uma vez, a visitou dando-lhe outro filho, Sete, que veio a ser ancestral do Messias.
         Eva permanece como um arquipélago do sexo feminino. Mesmo tendo sido criada à imagem de Deus (Gênesis 1.27), exerceu sua vontade ao desobedecer ao Criador (Gênesis 3.6), ousando desafiar sua autoridade. Desobediência não é, em si, um motivo, mas pressupõe um motivo. Sua tentação não foi a de meramente desobedecer, mas, em última análise, a de agir à sua própria maneira ou de obter o que desejava. A voz de Eva é como um aviso vindo de tempos antigos a toda mulher para que siga o caminho da obediência. Ressoa como uma nota de esperança quando a mulher falha; ela encontra a justiça de Deus, mas também experimenta sua graça.


"Consequentemente, assim como uma só transgressão resultou na condenação de todos os homens, assim também um só ato de justiça resultou na justificação que traz vida a todos os homens. Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim também por meio da obediência de um único homem muitos serão feitos justos".(Romanos 5.18-19).